0

Derek Brunson Avalia Luta com Uriah Hall e o Acusa de Uso de Anabolizantes

Administrador setembro 13, 2016 Views 181

Prestes a enfrentar Uriah Hall (12-6 MMA, 5-4 UFC) no próximo sábado no UFC Fight Night 94, Derek Brunson (15-3 MMA, 6-1 UFC), em entrevista ao Bloody Elbow, avaliou as fraquezas e os pontos fortes de seu adversário e não exitou em dizer que o jogo em pé de Hall é superior ao dele. Mas também avaliou que “Hall não é um artista marcial completo” e que a conhecida instabilidade na carreira deste é “apenas parte de quem ele é”.

“Uriah Hall é apenas um striker dinâmico. Ele mistura bem a trocação, que é onde eu espero que ele seja bom. Ele não é tão bom com as costas no chão ou em aplicar quedas. O cardio dele é OK. Tenho que dar a vantagem a ele no jogo em pé, não posso desrespeitá-lo desse tanto.”

“Simplesmente acredito que sou um lutador muito melhor assim como um melhor artista marcial. Garanto que tenho mais a atenção dele do que qualquer um com quem ele já lutou. Por isso, estou esperando o melhor Uriah Hall que existe.”

Brunson comentou um tuíte dele, datado de 29 de julho deste ano, em que ele insinua que Hall usa drogas de melhoria de desempenho (PEDs) e onde se lia: “@UriahHallMMA @usantidoping, estou cansado de receber mensagens de texto de pessoas falando sobre seus hábitos. Vou acabar com você no primeiro round”.

“Ouvi isso de algumas pessoas. Alguma pessoas podem olhar para mim e dizer: ‘Oh, ele estava usando PEDs antes, você pode afirmar isso’, mas você jamais ouvirá isso de alguém, jamais ouvirá isso de uma fonte legítima porque eu nunca fiz isso. Sempre fui um lutador limpo, sempre levantei peso. Consegui as coisas com trabalho duro, diferente do que outras pessoas fazem; com drogas de aumento de performance.”

“Mas eu ouvi isso de uma fonte legítima, então eu decidi deixá-lo saber disso. Se você revela que você pensa que alguém vai fazer isso em determinada luta, eles vão estar menos propensos a fazer isso, pois eles sabem que estão sendo observados.”

Brunson lembrou de Yoel Romero – para quem sofreu derrota por nocaute técnico em 2014 –, que foi pego em exame antidoping e posteriormente ficou suspenso por seis meses [atualmente já está liberado para lutar].

“Veja a minha única derrota no UFC, para Romero: o cara foi flagrado por uso de substância de melhoria de performance, se ele sabia ou não, isso não importa; o fato é que ele foi pego usando; essa foi minha única derrota.”

O lutador avaliou como será a luta deste fim de semana e se mostra confiante para terminar a luta seja no chão ou em pé.

“Vou aceitar a luta para onde ela for. Minha principal tarefa é chegar lá e conquistar a vitória, se eu vir a oportunidade, vou aproveitá-la e vou finalizar o cara. Tenho uma boa habilidade no jiu-jítsu, um bom wrestling, um bom ground-and-pound, uma boa potência em pé e uma boa trocação. Sou muito perigoso e posso terminar a luta em qualquer lugar.”

Avalie esta postagem.
0
Categories
Chat entre os membros do siteVocê pode bater um papo. Clique aqui para abrir o chat público!+