0

Miesha Tate Acredita que Se Estiver em Sua Melhor Forma, Ronda Vencerá Amanda Nunes

Administrador novembro 2, 2016 Views 188

Ontem Ronda Rousey anunciou que seu duelo com Amanda Nunes no UFC 207 será uma de suas últimas lutas de MMA, o que não chega a ser uma surpresa considerando a carreira lucrativa que lhe está acessível longe do “mundo do traumatismo craniano profissional”. O que pode ser um pouco surpreendente, porém, é que uma de suas maiores rivais a está apoiando em seu retorno ao octógono.

Em uma entrevista recente para a ESPN, a treinadora rival de Rousey no The Ultimate Fighter e ex-campeã do peso-galo feminino do UFC, Miesha Tate disse que acredita que Rousey vai vencer a disputa de título no UFC 207.

“Acho que se Ronda estiver no auge, eu provavelmente diria que Ronda [vence]. Sempre tenho tendência a favorecer grapplers. É apenas a minha inclinação. Acho que é mais provável que a luta vá para o chão e termine do que acabar em um nocaute limpo. Isso é menos comum no MMA feminino. Assim, se você levar isso em consideração, acho que Ronda é a grappler mais forte.”

Tate sabe uma coisa ou outra sobre as duas mulheres, tendo perdido para ambas três vezes somadas. Tate enfrentou pela primeira vez Rousey no Strikeforce, perdendo seu cinturão peso-galo para Rousey por meio de um armlock no primeiro round no que foi um das performances mais marcantes de Rousey no MMA. Ela perdeu novamente para Rousey por armlock quase dois anos depois na disputa do cinturão peso-galo do UFC. Depois de Rousey ser frustada por Holly Holm no ano passado, Tate estrangulou Holm conquistando assim o cinturão, somente para perdê-lo por mata-leão para Nunes em julho.

A história tumultuada que levou Tate a se tornar campeã antes de perder o cinturão para Nunes é em parte devido à reação de Rousey ao sofrer sua primeira derrota no MMA. Depois de perder o cinturão para Holm, Rousey teve uma pausa prolongada do MMA, em que ela falou abertamente que contemplou o suicídio. Sua longa ausência e seu estado mental depois de sofrer a derrota é a maior preocupação para Tate no que se refere a apostar em Rousey no UFC 207.

“O que é tão peculiar em relação a essa luta são todos os elementos a considerar. Amanda é uma lutadora realmente tenaz e acho que ela vai ter uma confiança nova nessa luta.”

“Acho que o que eu não sei é como Ronda vai se mostrar, eu estou bastante confiante em relação a como Amanda vai se mostrar, mas Ronda… já faz tanto tempo [que ela está afastada]. Esse tempo afastado pode representar uma coisa muito séria. E como ela vai ser em relação ao receio de receber socos? Ela sabe que Amanda tem a mão-pesada, e depois de ser quebrada por Holly, isso muda a mentalidade de alguém como Ronda, que meio que acreditava – assim como muitos outros – que ela era intocável?”

“É difícil dizer quem vence porque isso meio que depende de qual versão da Ronda vai se apresentar.”

Tate encara a lutadora em ascenção Raquel Pennington no UFC 205, no próximo sábado, dia 12 de novembro.

O texto desta postagem foi escrito por Jed Meshew, publicado por MMA Fighting e traduzido por Ricardo Loechner.

Avalie esta postagem.
0
Categories
Chat entre os membros do siteVocê pode bater um papo. Clique aqui para abrir o chat público!+